Publicado segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Turismo e Mobilidade Urbana na pauta da quarta reunião do Conselho de Desenvolvimento Regional da ADR Brusque

A Agência de Desenvolvimento Regional de Brusque realizou na segunda-feira, 7, no salão nobre da Prefeitura de Guabiruba, a quarta reunião do Conselho de Desenvolvimento Regional. No encontro que reuniu autoridades da região, estavam presentes o Prefeito de Botuverá, José Luiz Colombi e o Presidente da Câmara de Vereadores, Alesc Sandro Venzon. Entre os assuntos da pauta, estava a palestra Smart Cities x Mobilidade Urbana, com o professor da Unifebe e arquiteto urbanista Marcelius Oliveira de Aguiar.

O secretário executivo da ADR Brusque, Ewaldo Ristow Filho, abriu a reunião informando que a Secretaria de Estado da Educação já entregou a ordem de serviço para que a empresa Pain Construções, Instalações e Comércio, vencedora da licitação, elabore o projeto de reforma da Escola de Educação Básica João Boos, em Guabiruba. “Inclusive os engenheiros já estiveram no colégio realizando um levantamento de informações e medidas”, disse Ristow. O prazo para entrega do projeto é de 90 dias.

Ewaldo Ristow também falou sobre as faltas de algumas entidades civis nomeadas para o CDR. “Temos três ou quatro municípios em que essas entidades não estão tendo a frequência que deveriam ter na reunião. Inclusive já foi solicitado às prefeituras a substituição. Nós queremos entidades e pessoas que venham participar e discutir conosco os problemas da região para que todos juntos, unindo forças, possamos resolver as situações”, declarou o secretário da ADR Brusque. Segundo o prefeito de Guabiruba, Mathias Kohler, o CDR é a ferramenta para que os municípios exponham suas demandas. “Acredito que o conselho é a forma adequada para apresentarmos nossos anseios”, disse Kohler.

O prefeito de Brusque, Jonas Oscar Paegle, elogiou a escolha do tema mobilidade urbana como foco do encontro. “É um assunto interessante em tempos em que Brusque possui mais de 100 mil veículos emplacados.” José Luiz Colombi, prefeito de Botuverá, completou informando que o Ministério das Cidades está exigindo o plano de mobilidade urbana para municípios que pleiteiam recursos federais.

Mobilidade Urbana

Segundo o professor Marcelius de Oliveira de Aguiar, atualmente os planos de mobilidade no Brasil são a curto prazo, cerca de 10 anos, enquanto que na Europa são a longo prazo.

Um dos fatores principais da mobilidade é a acessibilidade. “É preciso esquecer o veículo e pensar primeiramente nas pessoas. É o que acontece nos países da Europa”, disse Marcelius.

Hoje, mais de 400 cidades do mundo utilizam sistemas de bicicletas compartilhadas. A primeira delas foi Amsterdã, na Holanda. Para o professor, a E-Bike, movida por energia elétrica, é a mais adequada a nossa região devido ao relevo. Ao final, Marcelius apresentou o sistema Smart projetado pela Unifebe, onde as estações de compartilhamento estão localizadas em estacionamentos.

Turismo Regional

A professora da Unifebe e coordenadora do projeto de Turismo Regional, Rosemari Glatz, conversou com os prefeitos e conselheiros sobre o projeto. Para ela, é preciso trabalhar o turismo atrelado ao litoral, pois o roteiro Sol & Mar está muito próximo dos municípios da região da ADR.

 “O turismo deve ser pensado num todo. É um grande negócio”, disse Rosemari. Além disso, ressaltou que é preciso pensar no turismo em conjunto com mobilidade urbana é essencial. “O mercado está aí. Se não aproveitarmos, alguém vai aproveitar”, enfatizou a professora, estimulando os representantes dos municípios a pensarem em um turismo que não sejasomente de passagem, e sim que faça com que o turista usufrua de todas as possibilidades da região, trazendo lucro para as cidades.

Avaliação

O secretário executivo, Ewaldo Ristow Filho, avaliou positivamente a reunião. “Tivemos um grande número de conselheiros presentes. Quando o CDR mudou sua dinâmica para consultivo ficamos apreensivos com o resultado dos encontros. Hoje, vemos que estão surgindo muitas ideias e que a reunião está sendo muito proveitosa. A questão do turismo, da mobilidade urbana, estão evoluindo. Está se criando uma opinião, uma força em conjunto dos municípios. Acredito que vamos ter bons frutos das questões aqui debatidas”, finalizouEwaldo Ristow.

A próxima reunião do Conselho de Desenvolvimento Regional de Brusque será realizada no dia 6 de novembro, em Tijucas.

 

Com informações de Flavia Cunha/Assessoria de Comunicação/ADR Brusque